Últimas Notícias
Home / Destaque / Inhumas – Ex-candidata a deputada federal pelo PTC registra B.O. contra presidente da sigla Edmilson Buiu por estelionato

Inhumas – Ex-candidata a deputada federal pelo PTC registra B.O. contra presidente da sigla Edmilson Buiu por estelionato

O presidente da Sigla levanta suspeitas de como a então candidata teria empregado os 20 mil reais recebidos do Fundo Partidário, “Por se tratar de dinheiro público todos tem o direito de saber como foi gasto e em quê”…”até porque não houve campanha aqui em Inhumas”.

Por Eduardo de Carvalho

Edmilson José em sua publicação levanta suspeitas de como a então candidata teria gastado 20 mil reais oriundos do fundo partidário em sua campanha.

Diz a nota: “Boa noite a todos assim que o TSE fazer o processamento das prestações de contas vamos publicar aqui a prestação de Contas da Dra Beatriz Peixoto ate porque ela Recebeu 20.000 reais de fundo partidário  queremos saber como foi gasto ate porque não houve Campanha eleitoral aqui em Inhumas”.

O presidente do PTC justifica sua preocupação, “Por se tratar de dinheiro público todos tem o direito de saber como foi gasto e em quê”.

Em resposta, Beatriz Peixoto esclarece que Edimilson José foi  coordenador de sua campanha, porém, foi demitido antes do termino do pleito eleitoral. “Foi feito também um BO por estelionato contra o mesmo (Buiú) no dia 19/Nov/2018)”

Beatriz Peixoto foi candidata a deputada federal pelo PTC nas eleições de 2018 e obteve 933 votos, segundo dados do TSE.

Pelas redes sociais, Edmilson Buiu se defendeu das acusações da ex-candidata, Drª Beatriz Peixoto. Leia abaixo:

“Nunca pratiquei estelionato contra ninguém
Providencia jurídica ja está sendo tomadas no sentido de esclarecimento dos fatos.    Ninguém vai denegrir minha imagem de graça sou funcionário público tem nome a zelar”

Sobre Eduardo de Carvalho

Avatar
Eduardo de Carvalho é diretor geral do Portal da Época.

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.