Home / Destaque / Adolescente é suspeito de estuprar tio-avô que tem deficiência mental, em Anápolis

Adolescente é suspeito de estuprar tio-avô que tem deficiência mental, em Anápolis

Caso foi descoberto porque a cuidadora notou ferimentos na vítima, de 50 anos. Segundo a polícia, menino de 15 anos confessou o abuso.

Adolescente é apreendido suspeito de estuprar o tio em Anápolis — Foto: Divulgação/ PM

Um adolescente foi apreendido suspeito de estuprar o tio-avô, que tem 50 anos e problemas mentais, em Anápolis, a 55 km de Goiânia. Segundo a Polícia Civil, o menino de 15 anos confessou o abuso.

O caso aconteceu na última sexta-feira (5), na casa da avó do adolescente, que é a responsável por cuidar do irmão. No entanto, a família o denunciou para a Polícia Militar na manhã de terça-feira (9), quando o garoto foi levado para a Central de Flagrantes de Anápolis para o registro do caso.

Segundo a Polícia Civil, na manhã de sábado (6), a cuidadora do deficiente notou que ele estava com ferimentos na região anal e o questionou. Foi quando ele disse que o sobrinho-neto era o responsável pelo machucado.

Os parentes contaram aos policiais que o adolescente possui transtorno bipolar, iniciou o tratamento, mas não quis continuar. Eles apresentaram à polícia laudos que comprovam a doença.

Os policiais registraram o ato infracional análogo ao crime de estrupo contra o adolescente. Em seguida, ele foi apresentado ao Ministério Público e ao Poder Judiciário, que manifestou pela soltura do menino e marcou uma nova audiência.

De acordo com os policiais, a Delegacia de Apuração de Atos Infracionais (Depai) dará continuidade à investigação do caso.

fonte: G1 GO

Sobre Direto da Redação

Veja Também

Janayna Wollp e Wemerson Raio de Sol devem disputar Prefeitura de Itaberaí

Espalhe por ai: José Ronaldo e Walter Serra  também estão no páreo, assim como Jean ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.