Home / Destaque / Escândalos envolvendo Governo de Goiás são abordadas no último debate em Goiás

Escândalos envolvendo Governo de Goiás são abordadas no último debate em Goiás

O clima de exaltação foi notado em poucos momentos, quando os temas polêmicos foram abordados pelos candidatos

Foto: Vitor Santana/G1

O último debate com os candidatos ao Governo de Goiás ocorreu na noite nesta terça-feira (2), transmitido pela TV Anhanguera. Apesar do clima morno, mesmo na reta final da campanha, os temas que esquentaram as discussões foram a Operação Cash Delivery e tornozeleiras eletrônicas.

Na última semana, o Governo de Goiás se envolveu em escândalos sobre os dois assuntos. O então coordenador de campanha de José Eliton, Jayme Rincon, está preso após a operação deflagrada pela Polícia Federal (PF). A empresa que oferece serviços de monitoramento de tornozeleiras eletrônicas em Goiás afirmou que pode suspender o serviço, caso o Estado não pague uma dívida de R$5 milhões.

Weslei Garcia

Weslei Garcia perguntou ao atual governador se Jayme Rincon receberia salário neste mês e aproveitou para explicitar sobre a Operação Cash Delivery, citando que Rincon ainda é presidente da Agetop. Weslei também fez referência aos quase R$ 1 milhão encontrados na casa do motorista de Rincon e o envolvimento do ex-governador Marconi Perillo nas investigações, que são um desdobramento da Lava-Jato.

O governador não respondeu a pergunta e afirmou que, contra ele, não existem investigações nem processos. O candidato do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) finalizou chamando o governador de “fanfarrão”.

Daniel Vilela

Ainda no primeiro bloco, Daniel Vilela (MDB) abordou a notícia que envolve a possibilidade de suspensão do monitoramento de 4 mil pessoas por tornozeleiras eletrônicas em Goiás. A fala foi feita enquanto ele fazia uma pergunta ao governador.

José Eliton respondeu que é contra o sistema de tornozeleiras eletrônicas. E completou: “Meu inconformismo com esse sistema no Brasil. Acho que tornozeleira eletrônica é pernicioso, acaba por estimular a criminalidade”.

Kátia Maria

No terceiro bloco, a candidata petista Kátia Maria abordou a temática de políticas públicas voltadas para mulheres vítimas de violência doméstica. Em determinado momento, ela afirmou que “existem candidatos com histórico de violência doméstica” sem, contudo, citar nomes ou partidos.

Em resposta ao candidato tucano sobre educação, Kátia Maria (PT) citou a Universidade Estadual de Goiás (UEG) e afirmou que as condições dadas ao corpo docente não são as ideais. Uma das propostas dela é “fazer com que cada campus possa pensar quais são os potenciais de cada região”. A petista anda lembrou que o vice dela, Nilvado, é professor, bem como o candidato à Presidência do Brasil pelo partido, Fernando Haddad.

Ronaldo Caiado

Ronaldo Caiado (DEM), ao abordar a temática da saúde, disse que esta é uma matéria da qual ele entendo, fazendo referência ao fato de ser médico. Assim como em debates anteriores, o candidato afirmou que há 43 anos exerce a Medicina. E afirmou, ainda, que tem propostas de descentralização e regionalização do atendimento de saúde em Goiás.

Sobre o atendimento à mulher vítima de violência doméstica, Ronaldo Caiado afirmou que tem um projeto de atendimento multidisciplinar no Sistema Único de Saúde (SUS). O democrata ainda disse em “devolver Goiás ao povo goiano”, e que “esta é a eleição que vai mudar o Estado de Goiás”.

José Eliton

O governador José Eliton manteve a mesma estratégia que vem adotando em debates anteriores e nas propagandas eleitorais, seja nas emissoras de rádio, seja nas de televisão. Nas diversas temáticas abordadas, ele cita programas e ações do governo tucano dos últimos vinte anos. Ele enfatiza os pontos positivos, com dados e índices numéricos.

O governador finalizou sua participação no debate lembrando a importância da prevenção ao câncer de mama. Ele participou do programa com um laço rosa no blaser, símbolo da campanha. “Nós nunca deixamos a peteca cair, vamos continuar assim, com serenidade”, finalizou.

FONTE: https://www.emaisgoias.com.br/escandalos-envolvendo-governo-de-goias-sao-abordadas-no-ultimo-debate-em-goias/

Sobre Direto da Redação

Veja Também

Inhumas – Operação “Route Malum” revela que vereador e ex, podem estar envolvidos em suposto favorecimento e fraude em licitações de transporte escolar

Espalhe por ai: A Polícia Civil do Estado de Goiás, por meio da Delegacia de ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.